Ferros-velhos são notificados pela Prefeitura




Ferros-velhos são notificados pela Prefeitura

Os veículos que não forem retirados pelos donos de ferros-velhos serão recolhidos pela Prefeitura

As empresas que atuam na compra e venda de sucata, os chamados “ferros-velhos”, estão sendo notificadas pela Prefeitura de Campo Verde para se adequarem à legislação vigente quanto à forma de trabalho e também a se regularizarem juridicamente.

Fiscais das Secretarias Municipais de Fazenda e de Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente, e também do Departamento Municipal de Transporte Urbano (DMTU), estão percorrendo as empresas e notificando para que no prazo de 15 dias os proprietários regularizem a Licença Ambiental, os Alvarás de Funcionamento e Localização e retirem as carcaças de veículos e outras sucatas das calçadas e ruas.

Expirado esse prazo, serão concedidos mais 15 dias e, a partir daí, será lavrada multa e as empresas serão lacradas.

Nos últimos dias, várias reclamações foram feitas à Ouvidoria Municipal sobre os problemas causados pelas empresas de ferro-velho. Os reclamantes alegam que a disposição das sucatas de forma desordenada tem prejudicado o tráfego de veículos e de pedestres e aumentado o risco de acidentes.

Outro problema apontado é a procriação de vetores, como do mosquito transmissor da dengue; de roedores e de animais peçonhentos.

De acordo com o DMTU, caso os proprietários das empresas não façam a retirada das sucatas, a Prefeitura, após expirado o prazo da segunda notificações, fará o recolhimento. Todo o material recolhido será levado para a Área de Transbordo e Triagem do Município e poderão ser retirada pelas empresas mediante a confirmação de propriedade num prazo de 30 dias. O material que não for retirado será leiloado ou doado para entidades e associações beneficentes.

Categorias: DMTU, Fazenda

Sobre o autor