Busca por atendimento aos primeiros sintomas evita agravamento da Covid-19, diz secretário de Saúde




O diagnóstico precoce contribui para a cura da Covid-19

Campo Verde tem apresentado significativo aumento no número de pacientes recuperados da Covid-19, com índice de cura superior a 94%. Isso se deve ao tratamento precoce dos sintomas e também às medidas restritivas adotadas pela Administração Municipal.

Porém, conforme destacou o secretário de Saúde do Município, Altair Timóteo de Araújo, a conscientização da população de que a busca imediata pelo diagnóstico é fundamental para a eficácia do tratamento.

A orientação, conforme frisou Araújo, é que ao sentir os primeiros sintomas, como coriza, tosse seca, irritação na garganta ou febre, deve-se buscar atendimento médico. “Sentiu algo, vá ao postinho ou à unidade sentinela para que um médico possa avaliar a situação. Não tenham vergonha e nem medo, a busca precoce por atendimento evita o agravamento da doença”, disse o secretário.

De acordo com Araújo, muitas pessoas deixam de procurar as Unidades Básicas de Saúde ou a Unidade Sentinela, que funciona no prédio da UPA 24 Horas, por medo ou receio de serem contaminadas pelo novo coronavírus nesses locais. “O risco de que isso aconteça é mínimo e o uso de máscara reduz ainda mais essa possibilidade. O medo de buscar atendimento logo no início pode piorar a situação”, alertou.

Araújo enfatizou que todos devem ter cuidados em relação à Covid-19 e seguir as orientações das autoridades sanitárias, porém, alertou ele, a atenção deve ser redobrada com os idosos. “O organismo deles reage de forma diferente e quanto maior for a demora para entrar com a medicação, maiores serão as chances de o quadro de saúde piorar”, explicou.

Casos – De acordo com o Boletim Informativo da Secretaria Municipal de Saúde, com números referentes ao dia 29 de julho, Campo Verde tem 35 casos ativos de Covid-19. Até agora foram confirmados 876 casos da doença no município, sendo que 825 pacientes se recuperaram após o período de isolamento e de medicação.

Ainda de acordo com o Boletim, 21 pessoas estão em isolamento domiciliar e sendo monitoradas pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde. 14 estão internadas, 7 delas em enfermarias e sete em Unidade de Terapia Intensiva. Nesta quarta-feira (29), mais um óbito pela doença foi registrado em Campo Verde, aumentando para 16 o número de pessoas que perderam a vida para a Covid-19.

Categorias: Saúde