Empresa inaugura complexo de laboratórios no Distrito Industrial II


A Assist Consultoria e Experimentação Agronômica atua junto a produtores rurais e empresas multinacionais

Empresa inaugura complexo de laboratórios no Distrito Industrial II

Atuando em Campo Verde desde 2012, a Assist Consultoria e Experimentação Agronômica inaugurou na última quinta-feira (10) sua sede própria. O prefeito Fábio Schroeter, o vice Milton Garbugio e o secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Altair Donizete Restani participaram da inauguração.

São 807 metros quadrados de área construída divididos em cinco blocos onde estão instalados laboratórios de análise de sementes, análise de nematoides, laboratório de fitopatologia, criação de insetos e pragas e criação de inimigos naturais.

De acordo com os sócios Luiz Aguilera e Marcio Goussain, foram investidos R$ 1,5 milhão e serão gerados 20 empregos diretos. Também sãos sócios na empresa, que atua ainda na área de planejamento e projeto agrícola, experimentação agronômica, agricultura de precisão, treinamento de equipe interna e acompanhamento de lavouras, José Ney Lazarin e Deivis Mucci.

A Assist, que presta também presta serviços de consultoria e campos experimentais junto a cooperativas, produtores rurais e multinacionais, é a única em Mato Grosso a contar com um complexo de laboratórios como o que foi inaugurado na última quinta-feira. É também pioneira no estado na criação de insetos pragas.

Incentivo – A área onde está instalada a nova sede da empresa no Distrito Industrial II foi adquirida junto ao Município, com preço subsidiado. “Esse incentivo da Prefeitura estimula as empresas a se instalarem em Campo Verde. Com certeza isso ajuda bastante”, destacou Luiz Aguilera. “Isso é importante porque é mais um incentivo, realmente, pra gente apostar na cidade. A questão da locação é um investimento alto e a Prefeitura, através dessa parceria, subsidiando os terrenos, faz com que ajude a viabilizar o negócio aqui dentro da cidade”, completou Marcio Goussain.

Segundo ele, a perspectiva é expandir ainda mais a área construída. “A gente está com um projeto de mais um laboratório de análise de solo e foliar. Provavelmente devemos começar a partir da semana que vem”, completou. (Valmir Faria – Supervisor de Comunicação/ASCOMCV)

Sobre o autor