Mutirão contra dengue será realizado no Cidade Alta e no São Miguel




Mutirão contra dengue será realizado no Cidade Alta e no São Miguel
Ações da Vigilância Ambiental reduziram as notificações de dengue em 99,32% em Campo Verde

Ações da Vigilância Ambiental reduziram as notificações de dengue em 99,32% em Campo Verde

A Vigilância Ambiental e a Defesa Civil de Campo Verde, em parceria com a secretaria municipal de Obras e Viação, realizam neste sábado (30) mais um mutirão para eliminar os locais de procriação do mosquito transmissor da dengue.

Desta vez os bairros contemplados serão o Cidade Alta e o São Miguel. O trabalho de recolhimento do lixo separado pelos moradores terá início às 7 horas e se estenderá por todo o dia. A orientação é para que as embalagens com os resíduos devem ser deixadas em frente às residências para facilitar o trabalho de coleta.

De acordo com a Vigilância Ambiental devem ser separados sacolas plásticas, pneus velhos, garrafas plásticas e de vidro, baldes e bacias velhas e todo tipo de recipiente que possa acumular água. O mosquito Aedes aegypti se reproduz em ambiente com água parada.

Este ano, a Vigilância Ambiental de Campo Verde já realizou vários mutirões de limpeza visando erradicar os locais de procriação do inseto. Os dois primeiros bairros atendidos foram o Jupiara e o Recanto do Bosque 1 e 2. Mais de cem toneladas de lixo foram recolhidas pelos caminhões da Secretaria Municipal de Obras e Viação, que atuou como parceira nas ações.

O trabalho de prevenção, orientação e erradicação dos pontos favoráveis ao desenvolvimento do Aedes aegypti tem apresentado excelente resultados. Em 11 meses, as notificações de casos suspeitos de dengue caíram 99,32%. Em janeiro, de acordo com a Vigilância Ambiental, foram registrados 298 casos. Em novembro foram apenas 2. (Valmir Faria – Supervisor de Comunicação)

Sobre o autor