Secretaria de Agricultura de Campo Verde começa a erradicar plantas guaxas em margens de rodovias




A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agrícola e Meio Ambiente de Campo Verde (SEDAM/CV) iniciou na última quarta-feira (13) a eliminação de plantas de soja e algodão nascidas às margens das rodovias.

A medida fitossanitária atingirá todas as vias estaduais, federais e municipais localizadas na área territorial de Campo Verde. A erradicação das chamadas plantas guaxas é uma medida fitossanitária que visa eliminar focos de pragas e doenças.

De acordo com a SEDAM/CV, por não receberem tratos culturais, as “plantas guaxas” se tornam hospedeiras de pragas como o bicudo, que ataca a lavoura de algodão; e doenças como a ferrugem asiática, que causa estragos à soja.

Uma equipe formada por três homens, que percorrem em média entre 10 e 12 quilômetros por dia, está fazendo a erradicação das plantas. No momento o trabalho está sendo realizado na MT-140, no trecho de 14 quilômetros entre a BR-070 e a BR-364.