CadÚnico ainda não tem informações sobre como auxílio a trabalhadores informais será pago


Valor de R$ 200 será concedido pelo Governo Federal a quem trabalha sem carteira assinada ou por conta própria. MP ainda será encaminhada para aprovação do Congresso.

benefício será pago a quem trabalha na informalidade ou não tenha carteira assinada

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Campo Verde informou na tarde de hoje (20) que ainda não tem informações sobre como será concedido o benefício de R$ 200 aos trabalhadores informais – aqueles não possuem registro em carteira – ou que trabalham por conta própria, anunciado esta semana pelo ministro da Economia Paulo Guedes.

O benefício, de acordo com Ministério da Economia será concedido como forma de ajuda em razão do Novo Coronavírus e deverá beneficiar entre 15 e 20 milhões de pessoas em todo o Brasil. O pagamento do auxílio será por meio de Medida Provisória, que ainda será encaminhada ao Congresso para aprovação.

Após o anúncio feito pelo ministro Paulo Guedes, um grande número de pessoas tem procurado o Setor de Cadastro Único da Secretaria de Assistência Social, órgão responsável pelo cadastramento nos programas sociais do Governo Federal.

Essa procura, de acordo com a SMAS, tem provocado aglomeração de pessoas, o que vai contra a recomendação dos órgãos de saúde para conter a propagação do Covid-19, como o novo vírus foi batizado.

De acordo com setor de CadÚnico da SMAS, as informações disponíveis são as que foram divulgados na grande mídia e que outros questionamentos sobre o tema podem ser feitos pelos telefones (66) 3419-1224 ou (66) 99690-6447.

De acordo com o Ministério da Economia, terão direito ao auxílio pessoas que não tenham emprego com carteira assinada nem recebam algum benefício, como aposentadoria, pensão, BPC (Benefício de Prestação Continuada), Bolsa Família e seguro-desemprego.

Categorias: Assistência Social