Em reunião com o vice-governador de Mato Grosso, prefeito Milton Garbugio trata da pavimentação da MT-140




De acordo com o prefeito em exercício Milton Garbugio, a expectativa é que a pavimentação da MT-140 aconteça ainda este ano

O prefeito em exercício de Campo Verde, Milton Garbugio, esteve reunido com o vice-governador de Mato Grosso Otaviano Piveta esta semana. A pauta da reunião foi a pavimentação da MT-140 entre as BR-070 e 364/163, num trecho de 15 quilômetros conhecido como “Desvio da Olvebra”.

No último dia 10 o Governo do Estado publicou o Edital de Chamamento Público para celebração de convênio com organizações da sociedade civil (OSC) visando a execução da obra.

Segundo Milton Garbugio, a associação que já coordena a pavimentação da MT-140 entre Campo Verde a Nova Ubiratã, passando por Nova Brasilândia, Planalto da Serra e Santa Rita do Trivelato, deverá ser a responsável pela pavimentação do “Desvio da Olvebra”, que terá também a participação da Administração Municipal.

“O Governo vai disponibilizar R$ 6,7 milhões e a gente vai buscar, junto aos produtores da região, serviços de caminhão, de máquinas, cascalho, o que os produtores puderem ajudar, mais a Prefeitura, mais o Governo, a gente vai concluir esse asfalto”, disse Garbugio.

O prefeito em exercício está otimista com relação à pavimentação do Desvio e acredita que ela poderá ser concluída num curto espaço de tempo.

“Eu tenho certeza que essa obra vai ser concluída durante este ano porque daqui a pouco a gente vai começar a trabalhar junto à SINFRA (Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística), viabilizar os recursos – o projeto já existe. É um asfalto fácil de fazer, não tem rio, não tem curva. Acho que só tem uma galeria que vai ser feita”, observou.

De acordo com Milton Garbugio, durante a reunião o vice-governador Otaviano Piveta pediu agilidade para que o convênio seja celebrado o mais rápido possível e as obras iniciadas o quanto antes. “Os recursos, disse ele, já estão liberados”, frisou o prefeito em exercício.

A pavimentação daquele trecho da MT-140 é uma reivindicação antiga e que vem sendo cobrada intensamente pelo prefeito Fábio Schroeter, pelo vice-prefeito – hoje prefeito em exercício – Milton Garbugio e pelas classes política e produtora de Campo Verde nos últimos oito anos. “Para Campo Verde é muito bom asfaltar esse desvio por ser um caminho mais curto para ter acesso à BR-364/163”, disse ele.

Garbugio ressaltou que a MT-344, uma das principais vias de acesso à BR-364/163 para o escoamento da produção agrícola e recebimento de insumos e outros produtos, é perigosa devido a sua topografia e traçado, com curvas e declives acentuados, características que deram à rodovia o apelido de “Tobogã.

“Essa saída nossa por Dom Aquino é uma estrada perigosa, muito movimentada por caminhões. Campo Verde tem uma alta produção agrícola – soja, milho e algodão – e esse desvio [sendo pavimentado] vai fazer com que a gente use menos a estrada de Dom Aquino, uma estrada que está sempre esburacada por causa do tráfego que é grande”, disse Milton.

Categorias: Noticias