Prefeitura substitui ponte por bueiro no córrego Ferrugem, na região da Serrinha




A Prefeitura de Campo Verde está, gradativamente, substituindo as pontes de madeira localizadas na zona rural por bueiros ou galerias de concreto. Está semana a Secretaria de Obras e Viação deve finalizar a construção de mais um bueiro na comunidade da Serrinha.

A obra, de acordo com o secretário Fabiano Teruel, começou na última quarta-feira (28) e está sendo construída no Córrego Ferrugem. Tem 14 metros de comprimento e 28 manilhas de 1,20 metro.

Este é o sexto bueiro construído pela Prefeitura na região da Serrinha em cinco anos. No mesmo período foram reconstruídas quatro pontes. O trabalho que tem sido feito pelo Município tem agradado os moradores.

Nascido e criado na comunidade, Joaquim Martins de Siqueira elogiou a construção do bueiro. “Vai ficar bom. Todo mundo vai poder passar, não vai ter problema nenhum. Tá ficando bom”, disse ele.

Ramiro Guarin Fernandes, que também é morador da Serrinha, destacou que a construção do bueiro vai trazer mais tranquilidade para a comunidade. “Vai melhorar muito, principalmente esse serviço de ponte”, disse.

Fernandes lembrou que com a construção dos bueiros acaba a necessidade de se reformar pontes a cada três ou quatro anos. “Agora com esse serviço que a Prefeitura está fazendo eu acho que vai durar muito mais”, destacou.

O morador também destacou o trabalho que a Administração Municipal tem feito na comunidade. “Eu estou bastante feliz de ver o que a Prefeitura está fazendo aqui para o pessoal da Serrinha, principalmente as estradas. As estradas estão bem conservadas e eu fiquei feliz de vir aqui agora e ver o que a Prefeitura está fazendo. O pessoal vai ficar muito satisfeito”, afirmou.

Secretário de Obras e Viação, Fabiano Teruel ressaltou que a construção do bueiro vai resolver definitivamente o problema de queda da ponte do Córrego Ferrugem na temporada de chuva. Ele destacou que a substituição das pontes de madeira por bueiros ou galerias é uma determinação do prefeito Fábio Schroeter.

“Isso foi um pedido que ele fez em 2015, então todo o trabalho que a gente vem fazendo de ponte, se não tem mais como recuperar vamos fazer manilhamento ou galeria. E esse é mais um serviço que estamos fazendo. Um serviço como tem que ser feito, já pensando para daqui 10, 15 até 20 anos”, disse Teruel.

O secretário destacou que para a colocação das manilhas foi feita uma base de concreto com malha de ferro. De acordo com Teruel, os moradores se comprometeram e fazer a retirada do material que acumular nas entradas das manilhas, evitando assim, que o aterro possa ceder.  “Quando não der para eles limparem é só avisar que a Prefeitura vem aqui com máquinas e faz o trabalho”.

Na manhã de hoje, os vereadores Nei do Dom Osório, Cícero Alves dos Santos, Kleberson Almeida e Zé Maria, visitaram a Serrinha e vistoriaram a obra de construção do bueiro.

Categorias: Obras e Viação