Pacientes de Campo Verde serão atendidos pela Caravana da Transformação




1_1Entre os dias 26 e 30 de janeiro, mil pacientes de Campo Verde que aguardam por consulta com oftalmologista – uma das especialidades com maior demanda -, ou que necessitam de cirurgias oftalmológicas, serão atendidos pela Caravana da Transformação, uma iniciativa do Governo do Estado de Mato Grosso.

A ser realizada em Jaciara, esta será a quarta edição da Caravana e atenderá pacientes dos 19 municípios que fazem parte do Consórcio Regional de Saúde Sul de Mato Grosso (CORESS), que tem como presidente o prefeito de Campo Verde Fábio Schroeter.

Para o atendimento, de acordo com as regras da Caravana, terão prioridades as pessoas com mais de 55 anos, que tenham catarata ou pterígio, e também os pacientes que já estejam aguardando por cirurgia.

Na tarde desta terça-feira (10), o vice-prefeito Milton Garbugio, o chefe de Gabinete Aparecido Rudnick e a secretária municipal de Saúde Sandra Badoco, participaram de uma reunião realizada em Jaciara e organizada pelo Governo do Estado e onde foi definida a quantidade de atendimentos para cada município, a forma como os atendimentos serão feitos e a responsabilidade das administrações municipais no envio dos pacientes.

Conforme foi explicado, cada Prefeitura ficará responsável pelo transporte e pela alimentação dos seus pacientes. As pessoas que necessitarem de cirurgia deverão passar a noite em Jaciara em alojamento que será providenciado pela prefeitura daquele município. A Defesa Civil, parceira na realização do evento dispõe de apenas 300 colchões. “É importante que quem puder leve o seu colchão”, pediu a secretária Sandra Badoco.

O atendimento, conforme explicou José Arlindo de Oliveira Silva, coordenador da Caravana da Transformação, será feito por médicos especialistas em carretas adaptadas com consultórios e centros cirúrgicos. A estrutura montada permite a realização de até 800 consultas por dia. De Campo Verde serão atendidos 200 pacientes a cada dia. “Nós vamos entrar em contato com os pacientes, mas aqueles que aguardam por esse tipo de atendimento procure a Secretaria Municipal de Saúde o quanto antes”, pediu a secretária.

A realização da Caravana, de acordo com a secretária municipal de Saúde de Campo Verde, Sandra Badoco, vai ajudar a reduzir a fila de espera por atendimento oftalmológico. Atualmente, de acordo com Sandra, 2.100 pessoas de Campo Verde aguardam por consultas, exames ou cirurgias. (Valmir Faria – Supervisor de Comunicação/ASCOMCV)

Categorias: Saúde